Categorias

Os berços mais criativos para bebês

Os berços mais criativos para bebês

Toda mamãe sabe como é a ansiedade de preparar o quartinho para receber o novo membro da família. Além de querer tudo perfeito até nos mínimos detalhes, a mamãe sempre quer garantir o máximo de conforto para o bebê. E ela não está errada em fazê-lo! A escolha do berço é, sem dúvida, umas das decisões mais importantes a ser tomada na hora da decoração do quarto. Para ajudar os papais nessa empreitada, reunimos nesse post os berços mais criativos para bebês que poderão ajudar na criatividade e inspiração da mamãe e do papai.

berço

berço-1

berço-2

berço-3

berço-4

berço-13

berço-6

berço-7

berço-9

berço-10 berço-11

berço-12

Para que tudo ocorra de forma segura e confiável, existem algumas indicações que os pais devem prestar muita atenção. Por isso, leia aqui quais são os cuidados com a compra do berço, que deve ser analisado cautelosamente.

Desde 21 de junho de 2014, o selo Inmetro é obrigatório em todos os berços. A medida foi regulamentada pela Portaria Inmetro 269/2011 e orienta os requisitos necessários para a prevenção de acidentes dos bebês. Os pais devem observar:

• Cantos arredondados;
• Pintura com tinta atóxica;
• Trava de segurança para as grades;
• Ausência de peças que possam asfixiar a criança.

Por isso, é muito importante que os pais não se atenham somente ao design do berço. Por mais que seja muito bonito, ele pode não ser o mais recomendado e dentro dos regulamentos previstos pelo Inmetro. Vale lembrar que as regras valem para os berços dobráveis, comuns, conversíveis e laterais móveis (drop-side). Estão isentos os berços de movimento ou de movimento pendular. 

Além disso, existem outros cuidados que os pais devem ter na hora de comprar o berço do príncipe ou da princesa. São eles:
1. Confirmar se as instruções estão na língua portuguesa;
2. Assegurar o Selo de Identificação da Conformidade do Inmetro, que deve estar exposto no berço e na embalagem;
3. Observar as laterais do berço equipadas com as travas de segurança;
4. Garantir que a criança não é capaz de levantar a base do colchão ou a base do berço;
5. Se o colchão não acompanhar, o berço deve apresentar uma marcação com a recomendação do uso de colchões de espessura máxima de 120 mm, como prevê a ABNT NBR 13579-1. 

Veja aqui dicas de cores para pintar o quartinho do seu bebê.

Para reutilizar o berço, veja as nossas dicas aqui!

Compartilhe com as outras mamãe no Olha Mamãe.

Não deixe de acessar a nossa loja O Sapo e a Princesa.

Posts Relacionados



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − três =